Síndrome de Sotos: Um Estudo de Caso

Juliana Alves Cunha, Valter Cury Rodrigues, Elaine Leonezi Guimarães

Resumo


Este estudo destina-se a apresentar um caso de Síndrome de Sotos. Buscou-se relatar a resposta desta criança ao tratamento cinesiológico funcional, considerando as principais características como deficiência mental, hipotonia, distúrbios ortopédicos, estatura elevada, macrocefalia, incoordenação motora e déficit de marcha. Após 11 meses de acompanhamento, observou-se, com o tratamento cinesiológico funcional, melhora do equilíbrio, das habilidades motoras (coordenação), da marcha e da postura. Espera-se com este trabalho, além de apresentar as características da síndrome de Sotos juntamente com seu diagnóstico diferencial, relatar a importância da intervenção fisioterapêutica e do trabalho multidisciplinar envolvendo a psicologia e a fonoaudiologia.

Palavras-chave


Síndrome de Sotos; Retardo Mental; Hipotonia; Alterações da Fala; Fisioterapia; Intervenção Multidisciplinar.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25061/2527-2675/ReBraM/2005.v9i1.300

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Brasileira Multidisciplinar-ReBraM (e-ISSN: 2527-2675)

Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / Brasil / CEP 14801-340