Levantamento Preliminar da Avifauna do Parque Ecológico do Basalto no Município de Araraquara/SP

Alexandre Uehara do Carmo, Amanda Piovesan Ucci, Daniela Fernandes, Guilherme Fernando Frare, Haroldo Cesar de Oliveira, João Henrique Barbosa, Mariana Crespo Mello, Marcelo Nivert Schlindwein

Resumo


O processo de urbanização vem modificando de maneira drástica a fisionomia dos ecossistemas, restando apenas pequenos fragmentos de áreas verdes, como praças, parques e terrenos baldios. Nesses ambientes ocorreu a redução dos recursos disponíveis para a manutenção da fauna e flora. O levantamento qualitativo da avifauna é uma interessante ferramenta para a avaliação de condições ambientais, pois, são suscetíveis a variações nos ecossistemas, devido ao alto grau de especificidade por espécie, no que diz respeito a território e habitat. Este levantamento teve por finalidade estabelecer uma lista preliminar da diversidade avifaunística do Parque Ecológico do Basalto, situado na região sudeste do Município de Araraquara-SP, obtendo importantes informações para o manejo e preservação da avifauna e para o seu estado de conservação. O levantamento ocorreu entre os meses de janeiro e outubro de 2005, totalizando 94 horas de observação. Foi utilizado o método de transecto onde, através de um percurso pré-determinado e com o auxílio de binóculos 7x35 e 10x50 e de fotografias e vocalizações registradas em campo e guias de campo, registramos 84 espécies de aves distribuídas em 28 famílias pertencentes a 13 ordens. Dentre estas aves registradas, 09 foram avistadas apenas sobrevoando o parque, ao contrário das outras 75 que foram vistas se alimentando e ou nidificando (16) dentro do parque. Para melhor explicitação dos dados, separamos as espécies nas seguintes guildas: fugívoras (13), insetívoras (44), nectívoras (04), carnívoras (06), granívoras (04), detritívoras (01) e onívoras (12). Esses dados preliminares revelam a importância da conservação do Parque Ecológico do Basalto para a manutenção das avifaunas que o adotaram como refúgio, por possuir os recursos como alimento, abrigo e locais para reprodução, em meio à urbanização e crescimento horizontal da cidade de Araraquara.

Palavras-chave


Avifauna, Parque Ecológico do Basalto, Levantamento Qualitativo.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25061/2527-2675/ReBraM/2006.v9i2.281

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Revista Brasileira Multidisciplinar-ReBraM (e-ISSN: 2527-2675)

Rua Carlos Gomes, 1338, Centro / Araraquara-SP / Brasil / CEP 14801-340